Category Archives: wikipedia pt

Chegamos aos 50 artigos interessantes na Wikipédia em Português (e erros)

41.

Lilli Carati (http://pt.wikipedia.org/wiki/Lilli_Carati). Aparentemente a Wikipédia pt só conhece os filmes porno da actriz. Se reparassem bem, por exemplo na wiki italiana, veriam que ela trabalhou com Sergio Corbucci, Pasquale Festa Campanile antes de ir ter com Joe D’Amato e acabar no hard-core em 1987. O artigo é um esboço, mas devia ser mínimo dos mínimos e inclusivamente ofensivo para uma pessoa viva. Mas que importa, se conta como mais uma entrada. Se ontem tínhamos 735 265 artigos, hoje já vamos em 735 404. Claro que contando com este da Lilli Carati, que nem teve a decência de ser mínimo, além de desconhecer a pessoa viva em causa (uma grande preocupação da Wikipedia).

42.

Fui até ao Pasquale Festa Campanile (http://pt.wikipedia.org/wiki/Pasquale_Festa_Campanile) em busca da «La ragazza di Trieste» Curiosamente o link está a vermelho e parece não haver esse filme na Wikipédia pt. Nada mais falso. Partindo da wiki italiana, descobre-se que existe na Wikipédia pt: «La ragazza di Trieste» (http://pt.wikipedia.org/wiki/La_ragazza_di_Trieste). Dá para entender?

Deu, não deu? O editor copiou simplesmente a filmografia e não se deu ao trabalho de corrigir. Isto pode levar a alguém criar um novo artigo sobre o filme, que já existe na Wikipedia pt. Não o façam, a confusão já é muita.

43.

Francesca Romana Rivelli, a bela Ornella Muti (http://pt.wikipedia.org/wiki/Ornella_Muti) merece um esboço, mas sem filmografia, mais uma entrada para fazer número, que não foi controlada (como devia, sendo uma pessoa viva) como prova a ausência de carimbadelas. «Nos anos 70 e 80 trabalhou com alguns dos maiores cineastas da Europa, como Volker Schlöndorff e Marco Ferreri, além de atuações em filmes norte-americanos.» E está tudo dito, ou melhor, que filmes? Não procurem na Wikipedia pt.

44.

Marco Ferreri (http://pt.wikipedia.org/wiki/Marco_Ferreri) também leva com um artigo sem referências e sem controle. «Durante a juventude, Marco Ferreri estudou veterinária e trabalhou como jornalista». Mas sempre se aprende alguma coisa. Eu até que passei por aqui em busca da «Grande Farra» e dei com ela.

45.

La grande bouffe – A Grande Farra (http://pt.wikipedia.org/wiki/La_grande_bouffe) merece a sinopse elementar. Pois os tipos decidem matar-se a comer, mas não é só isso. Nem uma referência aos peidos do Michel Piccoli, o apetite sexual de Marcello Mastroianni, aquele fantástico Philippe Noiret com a sua dignidade muito pouco digna, o dono da casa diga-se de passagem; o Ugo Tognazzi e a sua arte na cozinha; a Andréa Ferréol semi-nua a sentar-se em cima de um bolo… Que carro era quele que o Mastroianni restaurou? Um filme a rever, pela minha parte. Claro que não caberia em nenhum artigo decente os pormenores que revelei. A Wikipédia pt é uma coisa séria.  Mas podem saber mais em francês (http://fr.wikipedia.org/wiki/La_Grande_Bouffe).

46.

Michel Piccoli (http://pt.wikipedia.org/wiki/Michel_Piccoli) é um esboço em que a filmatografia devia ser considerada parcial, uma vez que pára em 1997. quando bastava seguirem a IMDb (http://www.imdb.com/name/nm0681566/) para ficarem a saber que o homem continua a trabalhar.  Não refere sequer os filmes que fez com Manoel de Oliveira, Belle Toujours (http://pt.wikipedia.org/wiki/Belle_Toujours), de 2006; ou «Party» (http://pt.wikipedia.org/wiki/Party_(filme)), filmes que mereciam, nos respectivos artigos, pelo menos uma sinopse. A gente sabe como são os filmes do Manoel de Oliveira, mas não é preciso despachar as coisas assim sem mais nem aquelas. Resumindo, o Michel Piccoli não fez mais nada desde 1997, segundo a Wikipédia pt.

47.

Philippe Noiret (http://pt.wikipedia.org/wiki/Philippe_Noiret) é mais uma página com ar de ter sido abandonada. Nem vale a pena falar daquele carimbo a falar da falta de referências; temos que os títulos da filmografia estão em português do Brasil, o que não seria nada de extraordinário se pelo menos referissem o título original. Tudo à balda e mais uma vez sem controle.

48.

Eu ia numa de encontrar o «Amici miei»(http://www.imdb.com/title/tt0072637/), uma daquelas comédias de outro mundo, mas dei com o nariz na porta. Mas mesmo assim fui ao Ugo Tognazzi (http://pt.wikipedia.org/wiki/Ugo_Tognazzi) que começa logo por ter uma imagem que deve violar direitos de autor e por isso não aparece, na info-box.

Depois, pasme-se, descubro que «Amici miei» parece afinal existir.

Puro engano: o link vai dar «Meus Caros Amigos é um álbum do músico brasileiro Chico Buarque, de 1976.»(http://pt.wikipedia.org/wiki/Meus_Caros_Amigos). Tem tudo a ver, ou melhor, nada, simples falta de intenção e rigor na Wikipedia pt.  Mais à frente fico contente por existir a entrada «Satyricon», mas para ir ao filme é preciso passar pela obra (http://pt.wikipedia.org/wiki/Satyricon) que indica finalmente o filme. (http://pt.wikipedia.org/wiki/Satyricon_(filme)) com o sacramental, mas útil

pois, como já se viu não aparece num número apreciável de artigos.

49.

Ettore Scola (http://pt.wikipedia.org/wiki/Ettore_Scola) não tem direito a info-box nem a referências, o mesmo é dizer que não foi controlado. Mas não está mal, menciono apenas a ausência de um critério uniforme para os artigos da Wikipédia pt. Refiro apenas que «Brutti, sporchi e cattivi – Feios, Porcos e Maus» a ligação ao CinemaPtGate (http://cinema.ptgate.pt/filmes/4649) vai dar a isto:

Grande referência, realmente.

50.

Maria Luisa Ceciarelli, assim se chama a Monica Vitti, apesar de ser mais um artigo não controlado, levou-me a encontrar a «Modesty Blaise». Mais uma vez o link leva a «Modesty Blaise é uma personagem de banda desenhada inglesa», antes de dar o link do filme (http://pt.wikipedia.org/wiki/Modesty_Blaise_(filme_de_1966)) que não é nada mau (o artigo, que do filme não tenho nem ideia, só conheço uns livrinhos que por aí se publicavam e formato de bolso).

Anúncios

E já são 30 artigos interessantes na Wikipédia em Português (e erros)

21.

Daniel Edward “Dan” Aykroyd (http://pt.wikipedia.org/wiki/Dan_Aykroyd) E o desespero continua. Como confirmar que o Dan nasceu em Otawa com esta referência?

A busca continua. E a vitória é certa.

Claro que foi um copianço da wiki em english. Mas não tenham muitas ilusões. Como referência não vale nada a não ser que possam consultar o jornal em causa. (http://en.wikipedia.org/wiki/Ottawa_Journal) «The Ottawa Journal was a daily broadsheet newspaper published in Ottawa, Ontario from 1885 to 1980» Deve valer a pena viajar ao Canadá para encontrar o dito cujo e essa referência ao nascimento do nosso Daniel Edward “Dan” Aykroyd. 

22.

Do Dan passei para os Caça Fantasmas (http://pt.wikipedia.org/wiki/Ghostbusters) que pelo facto de ter o título em português deve querer dizer que teve o mesmo em Portugal e Brasil, critério nem sempre seguido na Wikipédia em Português. Mas eu ia atrás da  Sigourney Weaver (Susan Alexandra Weaver) – aprendam como eu na Wikipedia, ela chama-se Susan (http://pt.wikipedia.org/wiki/Sigourney_Weaver) – naquela de recordar a cena da mão que lhe aparece entre as pernas. Esqueçam. Vejam o filme. Mas infelizmente um dos filmes que eu mais gosto dela, alem dos da família Aliens, «Half Moon Street» (O Corpo e a Vida) (http://www.imdb.com/title/tt0091164/) não há em português na Wikipédia; e não senhora, não é porque aparece nua, é porque faz um papelão de uma doutora que acaba num serviço de acompanhantes e se envolve com terroristas árabes; o Michael Caine também entra. Do artigo da Susan-Sigourney, achei interessante a Ask Men servir de referência.

23.

Michael Caine (http://pt.wikipedia.org/wiki/Michael_Caine) é mais uma biografia da pt Wikipédia que desmerece o biografado. Feita para encher chóriços, mas prontos, existe, assim como existe a lista de filmes. E eu procuro e encontro um filme de culto, que já pouca gente se deve lembrar, mas um editor da pt Wikipédia teve a gentileza de fazer presente: Mona Lisa (http://pt.wikipedia.org/wiki/Mona_Lisa_(filme)). A  info-box que deveria ser a ficha técnica, também aparece no artigo, mais completa, mas desnecessária repetição, bastava completar a caixa. Interessante a referência :«Jorge Leitão Ramos (1987). Mona Lisa. in Diário de Lisboa de 1987.01.20.», que ne leva a perguntar o que é feito do Leitão Ramos. Cá está ele (http://pt.wikipedia.org/wiki/Jorge_Leit%C3%A3o_de_Ramos) com a notável nota: «Professores de Electrotecnia da Escola Secundária Marquês de Pombal.» Nada como ter a Wikipedia à mão. Mas seguindo o link, lá está o JORGE HENRIQUE LEITÃO RAMOS no grupo disciplinar 540. Quando vejo estas cenas das escolas faz-me sempre pensar em prisões, essa coisa dos grupos disciplinares. Vou ter que lamentar o pobre Jorge que, para ganhar a vida teve que ir dar aulas. Honras ao articulista da pt Wikipédia por mencionar: Dicionário de Cinema Português: 1962-1988. Lisboa: Editorial Caminho, 1989. ISBN 9789722104463, Dicionário de Cinema Português: 1989-2003. Lisboa: Editorial Caminho, 2006. ISBN 9789722117630. Só tenho o último.

24.

Dou um salto ao acaso e encontro Igreja de Santo Adrião (http://pt.wikipedia.org/wiki/Igreja_de_Santo_Adri%C3%A3o), certamente um dos artigos que mais trabalho deu ao editor da pt Wikipédia: «A Igreja de Santo Adrião situa-se na freguesia de São José de São Lázaro, em Braga, Portugal.» E já está. Há uma foto por ali, mas tem a ver com «Arquitectura Religiosa de Braga», uma vez que se refere à Senhora do Parto. Mas atenção, se forem à Discussão (sim, que na Wikipédia não se conversa, discute-se) encontrarão um enigmático «Este artigo encontra-se vinculado ao projecto Wikipedia:Versão 1.0, cujo objectivo é melhorar a qualidade dos artigos. Se deseja consultar, visite a Wikipedia:Projectos/Portugal/Património.» O mesmo é dizer que há mais palavras na Discussão que no artigo. Portanto é reconhecido que é preciso melhorar o artigo. O seu autor (que não devia pôr o nome completo nem falar tanto de si) tem: Artigos únicos editados:1,392 desde 2007. Obviamente não tratou do seu. Tem pouco tempo.

25.

Voando sobre Sir Maurice Joseph Micklewhite, que é um esboço, ao contrário do casório do dito cujo com Shakira Caine que já dura desde 1973, aterro em  Educating Rita (http://pt.wikipedia.org/wiki/Educating_Rita) um filme que preciso de rever, já não me lembro, mas tenho a vaga ideia de que gostei. Mais um artigo sem referências e não carimbado para revisão. Claro que a Julie Waters (http://pt.wikipedia.org/wiki/Julie_Walters), agora é famosa, graças ao Harry Potter; mas é mais uma entrada da pt Wikipédia mal trabalhado e não revisto, como se vê com o link da mini-série Talking Heads, que, como é óbvio, vai dar à banda (http://pt.wikipedia.org/wiki/Talking_Heads).

26.

Billy Elliot (http://pt.wikipedia.org/wiki/Billy_Elliot) além de um aviso: «Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo (spoilers)», que me remete para aquelas pessoas que costumavam contar o que se ia passar a seguir no filme e, de caminho para o Cinema Paraíso… mas sobre o Billy Elliot,  uma das referências é no mínimo interessante (http://www.dvdpt.com/b/billy_elliot.php), Não me perguntem porquê. Também não me perguntem o porquê da outra referência (http://www.bafta.org/film/awards?year=2000) a não ser que queiram procurar o filme, o que é chato.

27.

Jamie Bell (http://pt.wikipedia.org/wiki/Jamie_Bell) tem, como muitos outros artigos da pt Wikipédia, nomes de filmes em Português e, por exemplo, «A Conquista da Honra» redirecciona para o livro «Flags of Our Fathers» (http://pt.wikipedia.org/wiki/Flags_of_Our_Fathers) e só aí aparece o link para o filme (http://pt.wikipedia.org/wiki/Flags_of_Our_Fathers_(filme)) o que revela a arte de despachar de quem escreveu o artigo.  O «Herói da Família» vai dar ao livro «Nicholas Nickleby» (http://pt.wikipedia.org/wiki/Nicholas_Nickleby) de Charles Dickens e só aí se refere o filme(http://pt.wikipedia.org/wiki/Nicholas_Nickleby_(filme)). Erros meus, má fortuna, mas, ao contrário do Camões sem nenhum amor ardente pela qualidade do projecto Wikipédia pt. Um tal «Um Ato de Liberdade» vai dar a várias escolhas, sendo obviamente Defiance (http://pt.wikipedia.org/wiki/Defiance_(2008)) que nesta parte do mundo se chamou «Resistentes». Mais uma vez não há uma uniformização, que não é culpa do voluntário que escreve, mas de quem quer que seja que tem a obrigação de ver se o artigo não contém erros, uma tarefa que falha rotundamente na Wikipedia pt. Deve ser complicado encontrar voluntários para isso e os que existem devem ter muito trabalho. O que importa é ter as entradas e que existam 735 265 artigos, e sempre a crescer. (Ontem eram 735 172 artigos).

28.

Naomi Watts (http://pt.wikipedia.org/wiki/Naomi_Watts), alguém viu que não tem fontes desde 2009.

Mas não se ralem; uma das ligações vai dar a UNAIDS (http://www.unaids.org/en/Ourwork/ManagementandExternalRelationsBranch/PartnershipsDepartment/) e certamente vão encontrar a Naomi a promover uma causa que necessita verdadeiramente de toda a ajuda.

29.

Mas não se ralem. Eu só fui à Naomi (é uma maneira de dizer, sem segundas intenções, longe de mim tal ideia, cruzes, credo, canhoto, arreda!) a caminho de Mulholland Drive (http://pt.wikipedia.org/wiki/Mulholland_Drive_(filme)). E não é que encontro:

Nada mais nada menos. Você é tão burro que vai precisar de livro de instruções para ver este filme e ele está na pt Wikipédia. O David Lynch (http://pt.wikipedia.org/wiki/David_Lynch) explicou tudinho, porque também ele acha que o povo é burro.  Não pensem que estou a criticar, nada disso. É que de repente me senti como uma vez num exame; a única pergunta para a qual eu tinha resposta foi anulada. Fui o melhor dos zeros, mesmo assim, 0,6; havia quatro companheiros que conseguiram menos. Agora quando me vierem dizer que era confuso e não perceberem nada, mando-os onde devem ir: à… pt Wikipédia.

30.

Veludo Azul – Blue Velvet (http://pt.wikipedia.org/wiki/Blue_Velvet) e de repente a música começa a soar na minha cabeça. Mas se não viram o filme, não há como visitar a sinopse da pt Wikipédia:

Está tudo aí. Há um «carece de fontes» no que diz respeito à inspiração da canção para o título do filme. Mas de resto, sem ter referências é um artigo definitivo sobre um filme de culto. A sério, se querem mesmo bom material sobre Blue Velvet, o filme, têm na Wikipedia em inglês (http://en.wikipedia.org/wiki/Blue_Velvet_(film)); simplesmente excelente, como merece o filme. Não uma entrada contabilística.

Mais 10 artigos interessantes na Wikipédia em português (e erros)

11.

Dashiell Hammett (http://pt.wikipedia.org/wiki/Dashiell_Hammett) como sou boa pessoa resolvi ver mais coisas sobre o meu velho amigo Hammett, um daqueles que se descobria na colecção «Vampiro».  É um esboço. Um esboço é uma maneira da Wikipedia ter uma entrada mais ou menos composta e não poderem dizer que não tem. E é este o caso. Nem sequer uma caixinha, nem sequer uma categoria para a data de nascimento.

Biografia fundamental, mas ver também «Secret Agent X-9»(http://pt.wikipedia.org/wiki/Agente_Secreto_X-9) de que eu, confesso, ignorava ser do Hammet e daí a importância da Wikipédia, aprende-se sempre alguma coisa. E ver também a «Relíquia Macabra – The Maltese Falcon(http://pt.wikipedia.org/wiki/Rel%C3%ADquia_Macabra)», uma excelente ideia para este fim de semana. Obrigado Wikipédia. Pena o Hammett não merecer uma biografia decente, mas não de pode ter tudo.

12.

Edward G. Robinson (http://pt.wikipedia.org/wiki/Edward_G._Robinson) Confesso que ia a pensar no «The Cincinnati Kid» e não esperava aquela foto do homem nos «Dez Mandamentos». Nunca o puderam prender por lindo, mas também assim dá ganas é de rir. É mais um esboço, e não merece caixinha. Uma pena a foto, mas provavelmente não é possível usar a da Wiki em inglês, essa sim a lembrar bem o nosso homem. Curioso o «Find a Grave» (http://www.findagrave.com/cgi-bin/fg.cgi?page=gr&GRid=880), que a própria Wikipédia diz ser «um website comercial que providencia acesso grátis a um banco de dados com informações sobre a localização de túmulos de pessoas famosas de todo o mundo. », servir de referência. Tumular, obviamente.

13.

The Cincinnati Kid – O aventureiro de Cincinnati (http://pt.wikipedia.org/wiki/The_Cincinnati_Kid) tem uma sinopse sinopse, isto é, mesmo sinopse; vamos ver se me faço entender usando a própria Wikipédia (http://pt.wikipedia.org/wiki/Sum%C3%A1rio): «Um sumário, por vezes chamado sinopse, é uma versão encurtada de um texto original.» Esta é mais uma sinopse de uma sinopse. Mas não importa. Pena não conseguir transmitir a atmosfera do filme, o poker e… a Ann-Margret a recortar as peças de um puzzle para encaixarem. É, há sempre umas imagens que ficam mais profundamente gravadas que outras. Isso e atitude dela no final do filme, mas só quem joga poker sabe o que fez o puto de Cincinnati.

14.

Ann-Margret (http://pt.wikipedia.org/wiki/Ann-Margret) mais uma biografia a desmerecer o biografado na Wikipédia em português. Mas não se lamentem que em francês é ainda pior. E como nasceu na Suécia (sim, aprendi isso, eu sempre pensei que fosse só americana) lá lhe plantam a bandeira da Suécia. Creio que é cidadã americana, e se nasceu em 1941 e se mudou com a mãe em 1946 para os states, onde o pai estivera em 1942… mas pronto, quem fez essa bio deve saber mais do que eu. Mas quero lamentar foto, tendo em conta que existem os problemas das fotos serem legais numas wikis e noutras não. Mas as da Wikipedia em inglês valem mais a pena. Já agora onde diz «Site de fans (em inglês)», o link (http://home6.swipnet.se/~w-60241/Ann-Margret/index.html) dá um resultado curioso.

Toma lá que é para não armares em mais parvo do que és. É um 403. Querem saber o que é? Pois consultem a Wikipédia (http://pt.wikipedia.org/wiki/HTTP_403), que é para isso que existe: «403 Forbidden (403 Proibido) é um código de erro HTTP retornado pelo servidor web quando o utilizador ou programa tenta obter acesso um recurso que o servidor não permite.» Sabiam? Pois eu também não, só que dava em nada! (verdade é que fiquei na mesma). De caminho visitem o Site Oficial da dona Margret (http://www.ann-margret.com/) que também está lá.

15.

John Joseph “Jack” Nicholson (http://pt.wikipedia.org/wiki/Jack_Nicholson) Adorei essa de saber o nome do bicho, para começar. Está carimbado (Este artigo ou se(c)ção cita fontes fiáveis e independentes, mas elas não cobrem todo o texto.) o que revela que alguém se lembrou de verificar, o que , em 15 artigos é a primeira vez que encontro, mas posso estar enganado. Pelos vistos os outros eram mais confiáveis que este (podem rir). Achei curiosa a categoria: «Católicos dos Estados Unidos». Deve haver alguma espécie de recenseamento na Wikipédia em Português, porque de outra forma não faz sentido haver uma categoria dessas. Já agora vou espreitar o Tom Cruise (http://pt.wikipedia.org/wiki/Tom_Cruise) (trabalharam juntos em Uma Questão de Honra – A Few Good Men (http://pt.wikipedia.org/wiki/A_Few_Good_Men) – sim, aquela cena…). Não tem a religião dele nas categorias. Pode ser falha, mas porquê andarem a perseguir os católicos dos Estados Unidos e deixarem em paz os cientologistas? Um momento, aquela Darma (http://pt.wikipedia.org/wiki/Jenna_Elfman)… e está lá escrito: «É seguidora da cientologia». Assim como no Tom e nada de categoria. Não faz sentido essa categoria. Opinião minha, que como dizia alguém num filme da Jodier Foster: «As opiniões são como o olho do cu: todos têm um, mas pensam sempre que é o do vizinho que cheira mal.» Não procurem na Wikipédia em Português; o filme («Home for the Holidays – Fim de Semana em Família (http://www.imdb.com/title/tt0113321/)»), dirigido por ela não tem artigo, apesar de ter a Holly Hunter, Robert Downey Jr. (o irmão bicha), Anne Bancroft (fantástica essa mãe fumadora), Charles Durning (que pai, depois de reformado, dançarino), Dylan McDermott (um homem chamado peixe, ganda cena dele e do candeeiro), Geraldine Chaplin (a tia doida), Cynthia Stevenson (a irmã histérica). Posso dizer-vos que vale a pena ver. Outra bela sugestão.

16.

Jodier Foster (http://pt.wikipedia.org/wiki/Jodie_Foster), carimbadinha da silva e tudo. Não é uma boa biografia, mas: «Em 2007 assumiu publicamente sua homossexualidade» E sabem como se chama essa categoria de pessoas? Pois eu também não, mas parece importante ser mencionada: LGBT (http://pt.wikipedia.org/wiki/LGBT). «LGBT ou ainda, LGBTTTs, é o acrónimo de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Transgêneros (o ‘s’ se refere aos simpatizantes). Embora refira apenas seis, é utilizado para identificar todas as orientações sexuais minoritárias e manifestações de identidades de género divergentes do sexo designado no nascimento.» Adorei essa dos simpatizantes. Sempre o último numa fila de homossexuais. O que a gente aprende a viajar na Wikipédia, não é verdade? LGBT, quem diria. É que quando eu andava na escola, isso queria dizer: Logo, Glória, bota tesão. Eu sei, era um brasileiro que bebia um pouco demais e quando chegava tarde a casa dizia isso à mulher, a dona Glória, que Deus tenha em bom resguardo, que passou muito mal com o clima deste país. Ah, o que ele queria dizer é que quando acordasse ela estivesse pronta. Já me perdi.

17.

The Bucket List -Nunca É Tarde Demais  (http://pt.wikipedia.org/wiki/The_Bucket_List) foi por isso que eu fui ao Jack. E afinal:

É triste. Só isso? Nem uma sinopse sinopse sinopse? Um esboço decepcionante.  Nem o Jack com aqueles óculos, ele dono do hospital que queria um quarto individual, quando ele próprio, por razões económicas decretou que os quartos deviam ser duplos; e lhe sai o Morgan na cama ao lado com a sua lista de coisas que gostaria de fazer? Não, não vou contar o filme todo. Só recomendar, se não o viram. Curioso que ninguém carimbou o artigo por insuficiente. É mesmo só para fazer número.

18.

Morgan Porterfield Freeman, Jr (http://pt.wikipedia.org/wiki/Morgan_Freeman) Quem diria que o Morgan se chama Porterfield. O que a gente aprende na Wikipedia. Este artigo não está carimbado, nem é esboço. Passa portanto por completo. Ficarão a saber tudo sobre Morgan Freeman na Wikipédia em Português. Só não entendo porque há títulos de filmes estilo «As Branquelas» que redireccionam para «White Chicks». Há aqui qualquer coisa que não está organizada. Ou usam os títulos originais, ou usam os usados no Brasil, ou usam os usados em Portugal. Deve haver uma norma que nesta lista de filmes do Morgan escapou a alguém. Mais ainda: «10 Items or Less» abre um artigo (http://pt.wikipedia.org/wiki/10_Items_or_Less) sobre uma série de televisão onde não consta o Morgan.  Este é o filme (http://pt.wikipedia.org/wiki/10_Items_or_Less_(filme)  é muito bom e tem, imaginem, vocês que só pensam que a Penélope Cruz é que filma nos states, uma bomba chamada Paz Vega (http://pt.wikipedia.org/wiki/Paz_Vega). Um filmezinho pequeno mas muito bom de ver. Grande confusão nessa Wikipédia em português. E esse artigo nem sequer leva carimbo nenhum, sinal que ou foi escrito por um crak da wiki que não precisa de ser corrigido ou o controle é pura ilusão na Wikipédia em Português.

19.

Driving Miss Daisy (http://pt.wikipedia.org/wiki/Driving_Miss_Daisy) Olhem que não está nada mau. Uma coisa leva a outra e vim recordar a Miss Daisy e o seu motorista. Um grande filme. Não, não vou implicar com o artigo, só estou a recordar, mais nada.

20.

Dan Aykroyd (http://pt.wikipedia.org/wiki/Dan_Aykroyd) Mais uma vez a lista dos filmes não segue nenhum padrão, mas pelo menos tem os títulos originais. Nada de controle, tudo deixado assim, definitivo, não é um esboço é definitivo e…. The Ottawa Evening Journal é uma ligação que não existe. Será que a Wikipédia em Português não tem uma lista de jornais do mundo inteiro? Uma falha grave. Encontrei um com esse (http://chroniclingamerica.loc.gov/lccn/sn84029640/), mas não deve ser o próprio. É desesperante não chegar a essa referência. A wiki em inglês (http://en.wikipedia.org/wiki/Ottawa_Journal) fala de outro. Por favor: HELP, quero ver, é importantíssimo, é a prova de como Dan Aykroyd nasceu em Ottawa. Vou fazer um apelo aos vandalos que atacam a Wikipedia: acabem com isso; eles não precisam da vossa ajuda. HELP, HELP, HELP.

Alguns artigos interessantes na Wikipédia em português (e erros)

1.

The Tracey Ullman Show (http://pt.wikipedia.org/wiki/The_Tracey_Ullman_Show): o artigo refere-se aos Simpsons. Nada mais sobre um programa que, segundo a própria Wikipédia, foi premiado com pelo menos um Emmy.

2.

Boccaccio 70 (http://pt.wikipedia.org/wiki/Boccaccio_%2770): fica a saber a ficha técnica, e a mais curta das sinopses. O link que imagens vai dar a um site (http://www.65anosdecinema.pro.br/Boccaccio_70.htm) que é bem possível que tenha mais informações sobre o filme, mas não é especificamente para o filme.

3.

Rik Van Nutter (http://pt.wikipedia.org/wiki/Rik_Van_Nutter) obviamente não merecerá muitas linhas, apesar de ter sido marido de Anita Ekberg, e claro que a referência vai para ela (http://www.cultsirens.com/ekberg/ekberg.htm). Mas não merece uma listinha dos seus filmes, que na Wikipédia são normalmente copiados da IMDb. Achei curioso que o link de Ligações externas vá dar (http://www.felixleiter.com/) que fala da morte de John Gardner, Claro que não passa de um esboço e o personagem não é assim tão importante que valha a pena fazer melhor.

4.

Claudine Auger (http://pt.wikipedia.org/wiki/Claudine_Auger) tem um artigo definitivo, nada de esboço e obviamente contará mais como Bond girl (excelente referência para os fans de OO7:http://www.007.info/FactfileThunderball.asp) do que pelos outros 79 títulos mencionados na IMDb, mas que o editor da Wikipédia talvez não tenha tido paciência para copiar para o seu artigo.  Mas não deveria ser um esboço se está incompleto? O outro link (http://commanderbond.netsections/girls/auger.php3) o meu Chrome diz: Ups! O Google Chrome não conseguiu localizar commanderbond.netsections. Pobre Claudine Auger, que passará á wikipédica eternidade sem mais ser que uma Bond girl.

5.

Continuando com a Claudine Auger descubro que ela trabalhou com Jean Marais, alguém que não tem ainda direito a sequer um esboçozinho na Wikipédia em Português. Certamente que não é importante. Espero que não seja por algum preconceito dos voluntários da Wikipédia em Português, pois na mesma em inglês (http://en.wikipedia.org/wiki/Jean_Marais) Marais era homossexual e a musa (será que escreverão muso? Aceitam-se apostas!) de Jean Cocteau. Pobre Jean Marais, mas talvez seja melhor do que ter um esboço. Mas fica a minha sugestão aos administradores da Wikipédia em Português. Sempre era mais um artigo e o personagem certamente foi mais importante que o atrás mencionado Rik Van Nutter.

6.

Retiro o que disse anteriormente sobre possível possível preconceito dos voluntários da Wikipédia em Português. Luchino Visconti (http://pt.wikipedia.org/wiki/Luchino_Visconti) em dois fantásticos parágrafos intitulados «Vida pessoal e morte» está marcado como «homossexual assumido» e amante de «Hulmet Berger». Pois, eu sei, Helmut Berger é o nome dele (http://en.wikipedia.org/wiki/Helmut_Berger). E ainda é vivo, graças a Deus. Mas não merece página na Wikipédia em Português, provavelmente porque o conhecem por «Hulmet».

 7.

Laura Antonelli (http://pt.wikipedia.org/wiki/Laura_Antonelli) é um esboço. Como será quando ficar pronta? Talvez com uma listinha de filmes? Já sei que não dá para pôr fotos à toa na Wikipédia, mas olhem que valia a pena conseguir uma. Nem que fosse a da Wikipédia em inglês (http://en.wikipedia.org/wiki/Laura_Antonelli), Pronto que seja em francês (http://fr.wikipedia.org/wiki/Laura_Antonelli). Suponho que seria pedir demais as fotos da Wikipédia em italiano (http://it.wikipedia.org/wiki/Laura_Antonelli). Como não sou um expert, só posso assumir que os direitos autorais variam de país para país e no nosso não são permitidas fotos de Laura Antonelli de espécie nenhuma. Note-se que a pobre Laura, segundo a Wiki em português ganhou «um David di Donatello em 1973 e o Nastro d’Argento», mas sem lista de filmes tem que se ir às outras Wikipédias.

8.

Num ataque de esperança carrego em «O Inocente»(http://pt.wikipedia.org/wiki/L%27innocente), que eu conhecia por «O Intruso», mas prontos, tem estas coisas uma língua vários países. Mas o fundamental é o muito que ficamos a saber do filme na Wikipédia lusófona: «L’innocente é um filme italiano de Luchino Visconti, estreou em 1976.» Ao lado uma caixazinha com importantes informações, mas de actores, nada. Pobres Giancarlo Giannini, Laura Antonelli e Jennifer O’Neill que tão fantásticos estiveram neste filme. Sim, não esqueci a nudez da Antonelli, mas isso não seria enciclopédico. Enciclopédico é ter uma entrada para coisa nenhuma.

Fundamental aquele detalhe da cor. Vão à Imdb, que afinal de contas a Wikipédia em Português não gosta deste filme.

9.

Columbo (http://pt.wikipedia.org/wiki/Columbo) certamente vítima de vandalismo, uma praga que muito faz sofrer a Wikipédia, p’ensei eu. É que, a mim e neste momento, carregar no link da IMDb que me iria levar ao Columbo dou com (http://www.imdb.com/name/nm1466074/) Michael Sidisin Jr. Já agora o site é este: http://www.imdb.com/title/tt1466074/, title em vez de name.

Foi azar do editor, descuido também, mas não são profissionais, não se pode reclamar, só constatar o facto. Sorte a do Michael, que ganhou um fan. Mas não é importante.  Ia ver o histórico de edições do Columbo, mas desisto quando vejo que há pelo menos 50 anteriores.

10.

Arthur Miller (http://pt.wikipedia.org/wiki/Arthur_Miller), lembrei-me por estar a reler «Morte de um Caixeiro Viajante». Um bom trabalho, com um pequeno detalhe de manutenção no que se refere às referências: http://archive.operainfo.org/broadcast/operaBackground.cgi?id=11&language=4 a mim dá isto:

 Mas também não era importante!

Wikipédia e Direitos de Autor

A Wikipédia passa por ser muito respeitadora dos Direitos de Autor, mas o que acontece é que não respeita os direitos dos seus autores.

Se você tem alguma coisa de interessante a escrever sobre seja que assunto for, nunca o faça na Wikipédia, porque, logo de início, você cede os direitos do que escreve ao projecto. E depois não pode apagar. Isto é, você não pode apagar o que escrever na Wikipédia, mas alguém pode fazer isso segundo determinados critérios. Bem, só eles conhecem os critérios, apesar de terem tudo muito bem explicadinho. É que tudo depende de quem você encontrar; tal qual uma repartição pública, ou a urgência de um hospital, depende de eles irem com a sua cara ou não, estarem num bom dia ou não.

Quem já passou pela experiência de publicar na Wikipédia, vai de certeza entrar em conflito com os burocratas do projecto; mais que não seja pelo facto de eles terem sempre razão e se cobrirem uns aos outros. Se um errar vão fazer todo o possível para que o erro seja seu.

O único critério válido para qualquer artigo parece ser o número, isto é, quantos mais artigos melhor, mesmo que sejam maus, incorrectos ou enganadores. Na Wikipédia em português, parece o número parece ser uma obsessão. Mas tenha cuidado, pois se escrever muito os «eliminadores» vão ficar furiosos consigo, porque lhes vai estar a dar muito trabalho, que é coisa que eles não gostam de ter. São pobres voluntários que certamente têm vida própria. Ou talvez não, talvez a única vida que têm é serem voluntários da Wikipédia.

Para terminar, você não pode apagar a sua conta na Wikipédia. Simplesmente não dá; desde o momento que entrou você é obrigado a ficar; suponho que se nunca mais aparecer eles apagam a sua conta, mas fica sempre lá o seu nick registado em tudo o que escreveu.

Por isso pense bem antes de se meter na Wikipédia. A utilidade é incontestável, para tirar uma pequena dúvida, mas a qualidade é duvidosa (veja as próprias estatísticas da Wikipédia em português:  735 172 artigos – 282 bons e 440 destacados).

Lembrei-me de escrever isto porque encontrei várias pessoas que desistiram do projecto, fartos  dos voluntários de todo o tipo que fizeram daquilo uma espécie de casa própria, amigos, amiguinhos e amiguetes. Tal como em tudo, de boas intenções está o inferno cheio. Pense duas vezes antes de colaborar, leia atentamente as Condições de Uso e Políticas Oficiais e não se esqueça: a Wikipédia não garante a validade dos artigos. Pode ler isso escrito por eles mesmos em Avisos Gerais. Tudo o que lá escrever não é seu, e se criar uma conta ela vai durar o tempo que eles quiserem que dure.

%d bloggers like this: